Ilhós - Argola - Rodízio

Além dos tecidos e acabamentos, as cortinas podem ser instaladas e colocadas por diversos meio de fixação no trilho ou varão. Os mais comuns são, ilhós, argola ou rodízio. 

Não existe o modelo ideal ou melhor, pois cada acessório tem sua vantagem e desvantagem. Cabe você decidir qual o melhor modelo.

Abaixo explicamos cada acessório. 

Ilhós: As cortinas com ilhós são as mais comuns hoje em dia. Por serem fáceis de  instalar no varão e retirar, seja para trocar ou lavar. A cortina de ilhós é prática e fácil de abrir e fechar. 

O ilhóses de cortina geralmente são encontrados na medida de 19mm médio e 28mm grosso. Os formatos mais comuns de ilhós de cortina são redondo e quadrado. O ilhós para cortina pode ser na cor cromada, para as cortinas mais sofisticadas ou com cores neutras para as cortinas mais simples. As cores geralmente são ilhós imbuia, ilhós branco, ilhós bege, entre outros. 

Argola: As cortinas com argola são também muito fáceis de tirar e colocar no varão. O diferencial é que a argola fica costurada na extremidade do tecido da cortina, fazendo com que a argola apareça mais. Uma das desvantagens da cortina com argola é que geralmente ela é costurada na cortina, não sendo muito prática a sua remoção caso precise. A vantagem da cortina com argola é que ela desliza e abre com muito mais facilidade que a cortina com ilhós ou rodízio. 

Rodízio: A cortina com rodízio ainda é muito usada atualmente. Muitas casas ainda usam o tradicional trilho de aluminio e essa cortina é ideal para essa instalação. A vantagem da cortina com trilho é o seu custo benefício, pois é barato e fácil de encontrar em diversas lojas.